Saúde do tornozelo e pé

Calos e calosidades

Os calos e as calosidades se formam pelo aumento da produção de queratina, uma proteína que forma a camada mais superficial da pele, sendo as lesões mais comuns encontradas nos pés.

A formação destas lesões está relacionada às áreas de contato, fricção e pressão que os pés são submetidos ao caminhar, saltar e  ao calçar sapatos, podendo causar dores e desconforto. No geral, o tratamento indicado é utilização de calçados que acomodam a mecânica do pé e eventualmente cirurgia dependendo do caso. 

Tipos de calos e calosidades

Calos digitais - diretamente relacionados ao uso de calçados fechados e a deformidades articulares que ocorrem nos dedos dos pés. 

Nesta situação, o dedo afetado pode apresentar curvaturas. Os três tipos de curvaturas mais comuns que acometem os quatro dedos menores do pé são: dedo em malho, dedo em martelo e dedo em garra.

O tratamento pode ser feito de forma medicamentosa, com a utilização protetores e a mudança do tipo de calçado. A correção cirúrgica, dependendo da gravidade.

 

Calos Interdigitais - são hiperqueratoses que ocorrem pelo contato e compressão da pele entre dois dedos do pé que podem ser causados pelo uso de calçados que comprimem os pés lateralmente, como os sapatos de bico fino.

O uso de calçados com boa acomodação para os dedos, e protetores ou afastadores interdigitais são os principais tratamentos indicados. As cirurgias são recomendadas para casos em que há lesões ulceradas de difíceis resolução ou deformidades angulares dos dedos.

 

Calos intertriginosos – causados principalmente pelo atrito entre as faces e dobras da própria pele, o que promove a maceração e a abertura do tecido. A infecção por fungos promove o aprofundamento da lesão, formando uma fístula.

O tratamento consiste na utilização de gazes ou algodão entre os dedos com medicamentos. A cirurgia deve acontecer quando há necessidade de corrigir o espaço ente os dedos se for muito pequeno.

 

Calosidades (Tilomas) – são lesões mais amplas que os calos, localizadas em áreas de maior fricção e pressão, geralmente causadas por postura quando há sobrecarga de peso em determinada parte da planta do pé.

O tratamento está na utilização de calçados anatômicos e palmilhas mais confortáveis. A fisioterapia é indicada nos casos em que as calosidades causam deformidades nos pés, como o encurtamento dos tendões, assim como os procedimentos cirúrgicos.

 

Verruga plantar – é uma das lesões mais comuns da pele, principalmente em crianças, acometendo cerca de 10 % da população. É ocasionada pela infecção de HPV tipo 1 e 2 e podem desaparecer de forma espontânea. 

Quando este desaparecimento não ocorre, é indicada a ressecção cirúrgica feita por cauterização pelo frio (crioterapia), pelo calor (eletrocauterização) ou por substâncias químicas (ablação química).

 

Calos e calosidades